Marketing Digital somando com VENDAS!

Marketing Digital
Marketing Digital somando com VENDAS!

Olá, sou o Marcio Canto, CEO da empresa Silício Publicidade e estou aqui para mais uma reflexão!

A nova visão do MARKETING DIGITAL, que está totalmente relacionada com VENDAS.

Para que um pouco mais sobre este conceito e importante ressaltar que as pessoas hoje em dia, estão muito mais antenadas, buscam informações nas redes sociais, buscam principalmente no google e nos buscadores em geral e em reviews. A informação sobre serviços, produtos ou empresas estão à tona na internet.

Tendo a visão deste cenário, podemos facilmente observar que o vendedor perdeu parte da responsabilidade sobre prestar informações sobre o produto, serviço ou empresa em muitos momentos desse processo. Os clientes já chegam sabendo na maioria das vezes o que desejam, já sabem os problemas e funcionalidades dos produtos, serviços ou empresas. Já pesquisaram no Reclame Aqui e vasculharam a internet em busca de uma série de informações relevantes a experiência de compra que estão prestes a vivenciar.

A função do Consultor de Vendas atualmente está voltada para o relacionamento, a forma de comunicar com o cliente. Um bom vendedor sempre precisou ser simpático, cordial, entender sobre produtos, mas acima de tudo, atualmente ele precisa saber a DOR do cliente, para que possa oferecer uma SOLUÇÃO, seja oferecendo o produto certo, ou ajudando com a sua experiência. Isso tudo, para que o cliente possa tomar a melhor decisão.

Mas de que forma o vendedor vai ter estas informações? Quanto tempo de conversa ele teria com cada cliente para poder entender sua DOR? Isso não faria sentido, se considerarmos que o vendedor precisa vender para bater as metas; o TEMPO DE ATENDIMENTO de cada vendedor é importante e caro.

Ai então, que entra o MARKETING DIGITAL. A função do setor de marketing atualmente, ganhou uma abrangência maior com a internet dominando todas as formas de comunicação. O Marketing assumiu uma postura digital, exatamente por atuar nas mídias digitais. Quando uma pessoa busca por um produto, serviço ou uma empresa, e acha, via buscador o site, o responsável pelo site existir é o setor de MARKETING. Se achar o facebook, linkedin, instagram, G+, enfim, as redes sociais, o responsável por elas é o setor de MARKETING. Desta forma, podemos observar claramente que o primeiro contato entre o cliente e seu produto, serviço, ou empresa vindo do meio digital, é com o setor de MARKETING.

Tendo isto em mente, manter seu site e suas redes sociais atualizadas e em harmonia entre os canais de comunicação é fundamental para um primeiro contato. Sempre ouvimos dizer que “a primeira impressão é a que fica”, agora, não basta chegar no site, ou nas redes sociais e ver um catálogo de produtos, pois o cliente agora está mais exigente, busca conteúdo, busca informações relevantes que o façam tomar a decisão de compra. Então para o setor de marketing fazer o dever de casa, é necessário que prepare estes pontos de contato com uma visão mais ampla, fornecendo mais informações ao prospect, ajudando ele a percorrer a jornada de compra.

Essa jornada de compra segue a linha de como o prospect vai descobrir e aprender sobre o produto. Numa abordagem de descoberta, entender como aquele produto poderá ajudá-lo em suas dificuldades, na sua DOR. Perseguir esse caminho até que o cliente entenda que aquele produto, ou serviço, ou aquela empresa, tem uma solução para os seus problemas. Para ai sim, tomar uma decisão de compra.
Porém, o setor de MARKETING tem atualmente, ferramentas que podem ser usadas para fazer com que este visitante do site ou das redes sociais seja ATRAÍDO para uma página que oferece um e-book, uma matéria esclarecedora, um artigo interessante, um material rico e que tenha conteúdo que gere interesse para ele.

Desta forma o cliente terá informação privilegiada; é necessário que ele forneça o e-mail e o nome, ou até outras informações contidas em um formulário, de acordo com a etapa em que estiver da jornada.
Isso vai fazer com que ele entre em um processo de relacionamento, onde o setor de MARKETING, vai acompanhar este novo amigo que foi CONVERTIDO em LEAD ao preencher o formulário, pela sua jornada de compra, interagindo com ele, criando um RELACIONAMENTO, descobrindo suas DORES e DIFICULDADES, para ai, como um bom conselheiro, orientar o lead, no caminho até a decisão de compra.
Após estabelecer esse relacionamento, após esta interação com o lead, o setor de MARKETING, vai passar para o setor de VENDAS um lead preparado, que já sabe do seu problema, sabe que tem uma solução, sabe que seu produto, serviço ou empresa resolvem este problema. E aí entregará para o setor de vendas, os dados do cliente, as dores e também qual solução escolhida. De posse destas informações, o setor de VENDAS estará preparado para atender este futuro cliente de forma eficiente e apresentar as formas de pagamento, garantias que o produto oferece, enfim, executar a venda.

Concluindo, o setor de MARKETING agora soma suas informações com o setor de VENDAS que atende o cliente munido de muito mais informações, para que a venda seja mais assertiva e a EXPERIÊNCIA do cliente, seja tão marcante, que irá fidelizá-lo, não pelo produto ou serviço, mas sim, pela EXPERIÊNCIA de atendimento e compra.

Texto: Márcio Canto –  CEO da Silício Publicidade